Pesquisar este blog

Tradutor Blog/Translate Blog

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2019

Trepadeira papo-de-peru (Aristolochia gigantea) e sua esplendorosa floração

Em minhas andanças em meio a natureza, encontrei essa gigante esplendorosa conhecida como papo-de-peru (Aristolochia gigantea), sendo nativa do Brasil e pertencente a família aristoloquiáceas.

Suas belas flores de formato bem peculiar que, lembram o papo de um peru (ave), possuem cerca de 50 cm de comprimento e 30 cm de largura, e suas folhas são bem grandes e lembra um coração. Seu caule é bem grosso, resistente e a planta atrai muitos insetos polinizadores, devido ao seu "mau cheiro" (alguns dizem que é ruim, porém, achei bom).
Foto de frente e de trás da flor da trepadeira papo-de-peru (Aristolochia gigantea).


Formas de cultivo


De ciclo perene, a papo-de-peru floresce de setembro até maio. Por ser uma trepadeira, a planta precisa de um suporte para "se agarrar", podendo ser cultivada no chão e até mesmo em vasos.
Precisa ser cultivada em sol pleno ou meia sombra, em solo com boa drenagem, e enriquecido com matéria orgânica. A rega precisa ser regular.

Sua multiplicação pode ser feita por sementes e estaquia de galhos.


Evolução da floração

Estágio da floração da trepadeira papo-de-peru (Aristolochia gigantea).

Estágio da floração da trepadeira papo-de-peru (Aristolochia gigantea).

Estágio da floração da trepadeira papo-de-peru (Aristolochia gigantea).

Estágio da floração da trepadeira papo-de-peru (Aristolochia gigantea).

Um dos lados da trepadeira papo-de-peru (Aristolochia gigantea).

Um dos lados da trepadeira papo-de-peru (Aristolochia gigantea).


Quer ver Dicas de Cultivo de outras espécies?




Nenhum comentário:

Postar um comentário